Notícias e Vídeos

Voltar

Autoridades planejam segurança do Carnaval

 

Autoridades da área de segurança traçam estratégias para o carnaval em Marabá/ Foto: Evangelista Rocha

Deve ser levado hoje (28) ao gabinete do secretário municipal de Segurança Municipal, Jair Barata Guimarães uma proposta para fechar o acesso à Marabá Pioneira durante o período de duas horas ao final das festas oficiais de Carnaval, para melhorar o fluxo de saída do centro da cidade por parte dos foliões. Essa e outras propostas foram elaboradas ontem (27) durante reunião de representantes da área da segurança pública para a Folia de Momo em Marabá.

 

Também está prevista para hoje a publicação de uma portaria definindo os horários de funcionamento das festas de Carnaval, tanto a folia oficial quanto das casas de show existentes na cidade.

 

Participaram da reunião representantes da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Exército Brasileiro, Disque Denúncia, Detran e órgãos da prefeitura ligados à segurança, como Departamento Municipal de Trânsito, Guarda Municipal, Secretaria Municipal de Meio Ambiente, além da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), responsável pela realização da folia de Momo.

 

PARAUAPEBAS

Comandante do 23º Batalhão de Polícia Militar (23º BPM), major Gledson, confirmou que já convocou os policiais de folga para atuar nos dias de Carnaval em Parauapebas, Canaã dos Carajás e Curionópolis, onde haverá festa oficial de Carnaval.

 

O major observa que, embora a PM esteja antenada em todos os municípios daquela microrregião, o maior foco será em Parauapebas, onde a movimentação é mais intensa. Por isso, todos os policiais da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (ROCAM) estarão nas ruas com apoio de mais duas viaturas vindas de Belém.

 

Segundo o oficial, em média, em Parauapebas, serão colocados 30 policiais por noite. “Um evento desses, a gente tem que ter o maior tato para lidar com a população porque ali é o trabalhador no horário de lazer, num evento cultural e às vezes se excede na bebida… Na grande maioria das vezes basta uma orientação da polícia e retirar a pessoa do local para evitar problemas”, pondera.

 

Ainda conforme o comandante do 23º BPM, a prefeitura de Parauapebas também vai disponibilizar 70 seguranças para dar apoio aos órgãos de segurança. “Tem tudo para ser um evento seguro”, aposta.

 

Site:Correio Carajás


    Compartilhar:


Contribua

Ajude a manter o projeto que há mais de 20 anos luta por uma cidade melhor.
Contribua livremente, sem vínculo ou compromisso. Você pode doar quando e quanto quiser.